Conheça os tipos de ações e como ganhar dinheiro com elas

bolsa de valores brasileira (B3) registrou recentemente recordes de pontuação do IBOVESPA por sucessivos meses. O número de brasileiros que investem nos diferentes tipos de ações acompanha tais índices. Mais de 858 mil pessoas foi o número registrado de investidores pessoas físicas na bolsa de valores no início de 2019, de acordo com a instituição.

O fato é que os brasileiros têm se interessado mais por investimentos, apesar de o país ainda ter uma taxa baixa de pessoas físicas que investem em ações. Isso se deve ao pouco conhecimento sobre o assunto.

Para melhorar esse entendimento, este artigo fala a respeito do assunto, abordando os principais tópicos relacionados. Aproveite o texto e prossiga na leitura!

Como funciona o mercado de ações?

As ações de uma companhia de capital aberto são negociadas em bolsa de valores. Ao comprar uma ação, o investidor se torna sócio da empresa, tendo direito ao recebimento de proventos. Por outro lado, a organização aceita esses novos societários para captar recursos na sociedade civil a fim de expandir as suas operações. Em contrapartida, parte do lucro auferido é dividido entre os novos cotistas.

A bolsa de valores vem trabalhando em seu projeto de popularização nos últimos anos. Com isso, tivemos um grande aumento nas operações via home broker. Todas as corretoras têm plataformas nas quais os clientes podem ter acesso a um book de ofertas. Respeitando lance mínimo, o investidor terá acesso a qualquer tipo de ação. Basta concordar com o preço praticado no momento.

A partir do momento que a pessoa adquire uma ação, ela se torna sócia da empresa. Dependendo do montante investido, o investidor poderá influenciar nas decisões da diretoria, pois quem detém uma participação expressiva do capital da companhia tem direito a voto nas assembleias. O preço das ações varia conforme a procura e oferta, além da situação política e econômica do país.

Vale a pena investir na bolsa?

O investimento na bolsa vale a pena desde que o investidor se prepare para isso. Não basta acompanhar a oscilação do índice IBOVESPA. É preciso ter claro que o investimento em ações é um processo que leva tempo. O mercado pode oscilar devido a uma série de fatores e ter isso em mente determinará o seu sucesso.

É por essa razão que o investimento em ações deve ser considerado de médio e longo prazo. O capital aplicado em uma companhia requer tempo para que os proventos recebidos paguem recurso aplicado. Além disso, existem as oscilações de curto prazo que podem afetar os investidores que não têm preparo para aceitar riscos. Assim, é importante definir previamente o perfil de investidor.

Quais são os tipos de ações existentes?

Acompanhe a seguir os principais tipos de ações encontradas em mercado de bolsa.

Ordinárias (ON)

As ações ordinárias são caracterizadas pela inscrição ON em sua nomenclatura. Seu atributo principal está no fato de dar direito a voto ao seu detentor. Geralmente isso ocorre nas assembleias deliberativas, quando os acionistas são convocados para decidir sobre algum fato importante.

Geralmente é esse tipo de ação que grandes investidores procuram quando querem obter parte do controle acionário de uma companhia. Pelo regulamento das sociedades anônimas, sempre que um único investidor detiver 5% ou mais das ações de uma empresa, ele terá direito a uma cadeira no conselho de administração.

Preferenciais (PN)

Já as ações preferenciais não dão direito a voto, mas tem a preferência em relação ao recebimento de dividendos. Vem daí o seu nome, inclusive. Portanto, o investidor que se preocupa mais em receber os proventos mais cedo quanto possível tende a escolher essa ação.

Vale ressaltar que a diferença de prazo entre o pagamento de uma ON e uma PN geralmente não é grande. Costumeiramente ocorre com uma diferença de dias. No entanto, pode acontecer do fluxo de caixa precisar de mais tempo e, nessas situações, as PN vêm primeiro.

Blue chips

As ações blue chips não são exatamente um conceito técnico como os tipos apresentados anteriormente. Tratam-se de uma consideração do mercado e diz respeito às grandes companhias negociadas em bolsa.

Normalmente, as ações dessas empresas têm um volume altíssimo de negociações diárias, chegando à casa do bilhão. Sim, isso mesmo. Petrobras e Vale são exemplos de blue chips do mercado brasileiro e facilmente negociam mais de R$ 1 bilhão por dia em ações.

Small caps

Da mesma maneira que as blue chips, as small caps também não fazem parte de um conceito técnico. A designação se dá para companhias que ainda são pequenas (do ponto de vista da bolsa). Se comparadas ao mercado tradicional, são empresas que já possuem uma estrutura bastante considerável.

Ainda que não haja uma definição formal do que seja uma small cap, muitas gestoras consideram como sendo dessa classificação as companhias que tem um valor de mercado de até R$ 10 bilhões ou ainda que tenham uma negociação diária de suas ações em torno de R$ 10 milhões. Como se vê, não é lá pouca coisa.

Como ganhar dinheiro investindo em ações?

Mas, afinal, como ganhar dinheiro na bolsa? Com a ajuda de Renato Sales, responsável pela área de produtos para a pessoa física na CM Capital, elaboramos uma lista de orientações que você precisa tomar para conseguir obter dividendos mais satisfatórios. Acompanhe!

1. Tenha um objetivo

Toda pessoa que pretende investir na bolsa precisa ter um objetivo, seja ele a independência financeira, aposentadoria, compra de imóvel ou qualquer outro. O ideal é saber onde chegar e qual o prazo para isso a fim de investir corretamente em ações. A aplicação em bolsa é um investimento de longo prazo e é preciso ter paciência para colher os frutos plantados.

“Existem casos de investidores famosos no Brasil como o Luiz Barsi, que é um ícone para a pessoa física. Ele é um dos maiores investidores do Brasil hoje, sempre comprou ações pensando no futuro. Ele não pensa em comprar ações em curto prazo. Hoje, a bolsa brasileira tem um incentivo: o investidor pessoa física pode vender até R$ 20 mil por mês e ser isento do pagamento de IR”, ressalta Sales.

2. Seja focado

Existem, pelo menos, dois tipos principais de investidores na bolsa: o investidor de longo prazo (que monta uma carteira de investimentos buscando objetivos futuros) e os traders, que fazem operações diárias para poder apurar o lucro ao final do dia. São perfis totalmente diferentes, mas tanto um quanto o outro precisa ter dedicação, disciplina e foco.

O ato de focar nos seus objetivos é essencial para conquistar resultados mais consistentes ao longo do tempo. Sales pontua algumas atitudes recomendadas aos investidores, tais como fazer o acompanhamento gráfico, para quem deseja retorno rápido. Afinal, a movimentação diária é o que importa para esse investidor.

“Por exemplo, uma exportadora no momento da alta no dólar, as ações dela devem seguir um movimento interessante de alta. Logo, esse operador precisa acompanhar esse movimento. Afinal, é preciso avaliar tanto o relacionamento interno quanto externo e se isso beneficiará a empresa e os investimentos”.

3. Evite riscos desnecessários

As crises financeiras e a volatilidade do mercado interferem diretamente nos ganhos com ações. Para se proteger contra os riscos de perdas, o ideal é usar ferramentas adequadas e ter bastante atenção, a fim de evitar ameaças desnecessárias.

Segundo o responsável pela área de produtos, para a pessoa física na CM Capital, hoje o investidor conta com ferramentas de stock, além de outras formas de se proteger de oscilações. Nesse último caso, é preciso respeitar os gráficos e suas próprias finanças.

“De repente, se o papel não corresponder à sua expectativa, você deve gerar saída. O investidor brasileiro quando realiza um investimento respeita muito as suas regras, seus limites. Quando ele começa a perder, ele acha que vai melhorar. Então, acaba não respeitando os pontos de saída. Eu acho que ter uma educação, uma fidelidade à sua estratégia, é muito importante”, destaca.

4. Acompanhe o mercado

Outro ponto destacado por Sales está ligado ao perfil do investidor. Saber aonde quer chegar e como fazer isso é o segredo dos investidores de sucesso.

“A taxa de juros baixa veio para ficar. Então, mesmo o investidor sendo conservador, precisa tomar um certo risco para poder remunerar as suas aplicações. Caso contrário, ele não conseguirá atingir seus objetivos, quer seja uma renda mensal no futuro, quer seja a compra de um imóvel ou fazer uma viagem. Independentemente de qual seja o ritmo dele, se ele não se reeducar nesse novo cenário de taxa de juros, vai ser muito mais complicado alcançar os seus objetivos”, sinaliza.

Ele ainda relembra que a pessoa física no Brasil terá que se reeducar para alcançar os seus objetivos. Afinal, com taxa de juros nesse nível, ela não conseguirá mais deixar o dinheiro só em aplicações de renda fixa para poder rentabilizar a sua carteira.

Por fim, Sales destaca que passaremos por um processo de mudança cultural em relação ao investimento no Brasil. Nos próximos anos, o percentual de pessoas físicas que operam em bolsa tende a aumentar consideravelmente.

5. Conte com o apoio de uma corretora de valores

A corretora de valores é fundamental no processo de investimento em ações. Ela será um apoio especialmente para aqueles que desejam ganhar dinheiro nesse processo. Afinal, ela o direcionará para os melhores ativos, considerando o seu perfil.

Na hora da sua escolha, fique atento a alguns aspectos como a disponibilidade para atendimento aos clientes e também sua qualidade. Isso fará uma grande diferença no momento de resolver problemas. Observe também as taxas de corretagem e as ferramentas disponíveis para operar. Tendo isso em mente ficará mais fácil movimentar os ativos e obter lucro com eles.

É possível ganhar dinheiro na bolsa de valores aplicando adequadamente nos diferentes tipos de ações. A tendência é que nos próximos anos a oferta se expanda e continue a atrair cada vez mais pessoas, justamente pelas suas possibilidades de multiplicar o capital. Para ser bem-sucedido na empreitada, conte com um parceiro de confiança, como a CM Capital. Temos as melhores ferramentas do mercado e é possível investir conosco a partir de R$ 1.00.

Gostou do conteúdo? Então aproveite e entre em contato agora mesmo para conhecer os diferentes tipos de aplicação em ações que podemos fornecer!

Você também pode se interessar por:

Abra sua conta online e grátis