Tesouro Direto

A segurança do Tesouro Direto

Os títulos do tesouro direto são para você que deseja segurança, praticidade, liquidez e tudo isso sem perder rentabilidade. Foram criados pelo tesouro nacional em parceria com a B3, com o intuito de tornar as aplicações em títulos públicos federais mais acessíveis para todos os investidores, pelo baixo valor e a facilidade de aplicar pela internet.

Excelentes também para diversificar suas aplicações e buscar diversas formas de rentabilidade. Dentre os títulos você poderá optar por rentabilidades prefixadas, pós-fixadas ou até mesmo mistas.

CDB - Sobre o investimento

Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais

Essas aplicações são de suma importância para você que não quer abrir mão da segurança e deseja ter uma renda extra semestralmente, vou te explicar o motivo.

Os títulos Tesouro IPCA+ com juros semestrais, também conhecidos como NTN-B, além de garantirem o aumento do poder de compra do seu dinheiro, isso porque farão com que ele renda a uma taxa de juros prefixada, mais a variação da inflação (IPCA) do período aplicado, realizarão pagamentos de juros semestrais e não só no vencimento.

Como as aplicações em títulos públicos federais foram criadas com o intuito de tornar mais acessíveis a todos os investidores, poderá aplicar a partir de 1% do PU (preço unitário) do título com mínimo de R$ 30,00.

Assim como o Tesouro IPCA+, poderá também escolher o melhor prazo para você, já que essa categoria de aplicação está disponível com vários vencimentos.

Lembrando que esse tipo de aplicação sofrerá incidência de imposto de renda retido na fonte sobre os rendimentos. E deverá ser considerada a tabela regressiva ao lado.

Período Aplicado
Tributação
Aplicações de 0 a 6 meses
Imposto de 22,5% sobre a rentabilidade
Aplicações de 6 a 12 meses
Imposto de 20% sobre a rentabilidade
Aplicações de 12 a 24 meses
Imposto de 17,50% sobre a rentabilidade
Aplicações superiores a 24 meses
Imposto de 15% sobre a rentabilidade

Abra sua conta online e grátis