Quais os tipos de Fundos Imobiliários?

Os Fundos Imobiliários (FIIs) são uma das opções mais procuradas no mundo da renda variável, quando existe um ciclo de quedas dos juros da economia, ou seja, da taxa Selic.

Este tipo de fundo de investimento, que investe em ativos de cunho imobiliário, pertence a um universo amplo de produtos para execução de teses de investimento. O mercado imobiliário permite, por meio de diversos produtos, implementar as atividades dos investimentos.

Nesse artigo falaremos um pouco mais sobre os tipos de fundos imobiliários existentes hoje.

Fundo de tijolo

No mercado imobiliário, o investimento via ativos físicos, isto é, o tijolo, é o mais tradicional.

Tem-se exemplos de empreendimentos de escritórios em salas comerciais ou lajes corporativas, residenciais (casas, apartamentos ou flats), shopping-centers (outlets e strip malls), varejo de rua, hotéis/resorts/multipropriedade, hospitais, galpões logísticos, galpões industriais, centro de processamento de dados ou, até mesmo, cemitérios.

E é claro que os fundos imobiliários não ficam fora disso, muito pelo contrário, abarca todas as teses citadas anteriormente, com a vantagem de ser mais líquido, permitir investimento fracionado, isento de imposto de renda nos rendimentos mensais (em sua maioria) e conta com gestor profissional para execução da estratégia.

Fundos de papel

Os FIIs de papel investem em dívidas imobiliárias, eles são negociados em ambiente de bolsa de valores, oferecendo uma alternativa para investimento em passivos imobiliários.

As dívidas imobiliárias financiam e advém de um ativo imobiliário, seja este físico ou financeiro.

Pode ser um imóvel daqueles descritos no parágrafo anterior, um fluxo de recebíveis imobiliários futuros (locações futuras), cotas de SPE (sociedade de propósito específico, cujos ativos estejam já prontos ou em desenvolvimento) ou debêntures de empresas construtoras ou incorporadoras.

Do lado dos financiadores (passivo), tem-se, portanto, uma dívida imobiliária, podendo ser um CRI (certificado de recebível imobiliário), LCI (letra de crédito imobiliário), LH (letra hipotecária) ou LIG (letra imobiliária garantida).

Como citado anteriormente, as sociedade de propósito específico são constituídas para abarcar um desenvolvimento de ativo imobiliário, podendo ser investidas de um fundo imobiliário negociado em bolsa de valores, por exemplo.

É um tipo de FII bem peculiar, pode possuir prazo determinado, se constituído para a venda das unidades autônomas ou indeterminado, se o objetivo for locação. No caso do primeiro, possui riscos específicos e pode não oferecer distribuição mensal de rendimentos pela característica do produto subjacente.

Fundo de fundos

Em complemento, outro tipo de FII existente é o fundo de fundos. Como o próprio nome diz, é um fundo de investimento imobiliário que investe em cotas de outros fundos imobiliários.

Oferece, portanto, uma diversificação instantânea, além de um posicionamento mais agressivo que a média do mercado e exposição em teses de fundos imobiliários mais arriscados e de acesso restrito a investidores profissionais.

Fundo imobiliário híbrido

Em seguida, tem-se o fundo imobiliário híbrido, este fundo imobiliário possui mandato amplo e pode investir em todas as teses possíveis dentro do universo do mercado imobiliário, oferecendo diversificação mais rica e eficiente do que aquela vista nos fundos de fundos imobiliários, com a vantagem de aproveitar melhor as oportunidades dentro deste setor, mesmo em períodos de alta na taxa de juros Selic. 

Qual o melhor fundo imobiliário para investir?

Agora, todos nós queremos saber o seguinte: sabendo de todos os fundos mobiliários existentes, qual o melhor fundo imobiliário para investir?

Minha resposta: depende de objetivos pessoais, juros e ciclo setorial.

Cada fundo imobiliário possui características distintas que podem, ou não, ser aderentes aos objetivos de cada investidor, o que demanda estudo por parte de cada pessoa, antes de fazer investimento em fundos imobiliários.

Além disso, é importante que a taxa Selic esteja em patamar baixo para atrair investidores para os fundos imobiliários, de modo a obter melhores retornos de capital e rendimentos mensais isentos.

Por fim, saber qual momento do ciclo imobiliário antes de investir é muito importante, uma vez que permite maior eficiência no uso de recursos e alocação de capital do investidor, possibilitando exposição a oportunidades de valorização de capital no mercado imobiliário.

Como investir em Fundos imobiliários com a CM Capital

Os Fundos Imobiliários são uma ótima opção para a diversificação de investimentos. O fato de misturar renda variável e fixa ajuda a proporcionar a investidores de diferentes perfis a oportunidade de obter lucratividade com o ativo.

E se você não tem muito tempo para realizar análises completas dos Fundos e escolher os que melhor encaixam no seu objetivo financeiro, você pode investir na carteira recomendada que eu montei.

Com a Carteira Recomendada Mensal de Fundos Imobiliários, você terá acesso aos melhores e mais promissores fundos selecionados por mim em apenas um clique.

Agora que esclarecemos as principais dúvidas sobre o assunto, você pode começar a investir em fundos imobiliários com a ajuda da CM.

Para investir é muito simples:

  1. Acesse o site da CM Capital;
  2. Clique em “Abra Sua Conta”
  3. No seu Portal do Cliente, acesse “Investir” e em seguida “Fundos Imobiliários”.

É fácil, simples e sem corretagem para fundos imobiliários!

Você também pode se interessar por:

Taxa zero para investir e realizar seus sonhos!

Comece a investir em poucos minutos e tenha acesso a plataformas profissionais gratuitas, plataforma de ensino gratuita, melhor custo-benefício para trader e investidor.
Atendimento via WhatsApp com espera média e de apenas 8 segundos.

Canal de Denuncia

"*" indica campos obrigatórios

Passo 1 de 2

Quando? ( data ou período de ocorrência)
DD barra MM barra YYYY
DD barra MM barra YYYY
Para acompanhar o andamento de seu relato, você receberá um número de protocolo que lhe será fornecido após o registro do relato.
Agradecemos sua iniciativa e confiança. Caso queira, pode inserir seu e-mail, nome e telefone para que possamos entrar em contato

Coleta e uso de informações

Durante a utilização dos nossos serviços, podemos solicitar o fornecimento de algumas informações pessoais, que poderão ser utilizadas para a sua identificação ou para contato, respeitando sempre a sua privacidade. Caso deseje não receber e-mails comercias da CM Capital, entre em contato conosco através dos canais de atendimento.

Faça a sua denúncia

Por favor, preencha o formulário abaixo. A sua denúncia é totalmente anônima.