Investimento a longo prazo: em quais modalidades investir?

Ainda que seja interessante compor uma carteira diversificada e que conte tanto com opções de investimento a longo prazo quanto de médio e curto, as de longo prazo são fundamentais na hora de definir onde o investidor deseja estar nos próximos anos. Seja para um casamento, seja na compra de uma nova casa, se preparar financeiramente é essencial.

Em outras palavras, pensar no futuro é algo natural e importante no caso de quem busca estabilidade. Nesse sentido, saber o que é, de que maneira funciona e quais as opções de aplicações a longo prazo faz toda a diferença nas escolhas financeiras de diferentes perfis. Neste artigo, falaremos sobre essa opção. Se você deseja se aprofundar no assunto, confira as informações a seguir!

Tesouro direto

Um dos perfis de investidor existentes é o conservador. Ele é aquele que não tolera riscos ou perdas financeiras. Sendo assim, gosta de saber qual é o prazo e a rentabilidade de suas aplicações, mesmo que ela não seja tão expressiva quanto em outras opções, como as da renda variável.

Para esse investidor, uma das melhores alternativas disponíveis é o Tesouro Direto. Seus títulos nada mais são do que papéis emitidos pelo Governo a fim de contemplar e dar um bom andamento às atividades. São considerados extremamente seguros e contam com rentabilidades prefixadas, pós-fixadas ou híbridas.

Dentro dessa categoria de aplicação existem múltiplas opções. A Selic (interessante na montagem da reserva de emergência), é uma. Outra delas, o Tesouro IPCA, acompanha a inflação e garante que o dinheiro investido renda por bastante tempo. Seu uso é comum no caso daqueles que desejam garantir fundos voltados à aposentadoria, mas não se restringe a isso. Os vencimentos do título são de longo prazo, como 2035, 2045 e 2055.

Uma vez que retirar o valor investido antes da hora pode ocasionar perdas, os títulos do Tesouro Direto são considerados opções de investimento a longo prazo e contemplam diferentes necessidades. Mesmo que seja ideal para o perfil conservador, é extremamente recomendado que outros perfis também fiquem de olho em suas possibilidades.

Fundos de ações

Essas opções são famosas e despertam interesse em todos os investidores, em especial os de perfil moderado ou arrojado. Enquanto muitos pensam que as ações são alternativas que garantem dinheiro rápido, isso não é verdade. É mais do que possível utilizar esse tipo de aplicação como um investimento a longo prazo.

Os fundos de ações são compostos por ativos da renda variável. Para adquiri-los, basta comprar uma cota que combine com a estratégia desejada na intenção de que você alcance seus objetivos futuros. É comum que essa opção seja gerida, o que pede uma boa escolha em termos de corretora de seguros. Logo, é preciso contar com profissionais especializados e preparados.

Em resumo, essa alternativa é excelente aos que desejam alcançar melhores rentabilidades do que as oferecidas pela renda fixa. Ela é bastante prática, mas é fundamental que o investidor conte com uma maior tolerância aos riscos e perdas, além de ser paciente. Afinal, o mercado de ações é volátil e capaz de trazer surpresas ao investidor se for manejado de forma irresponsável. Por isso, conte com bons gestores nesse momento!

Fundos multimercados

Duas das principais características dessa alternativa consistem em ele ser considerado de alto risco e um investimento a longo prazo. Se você está por dentro do universo das finanças, já imagina o que isso significa, certo? Sim, essa opção é capaz de trazer excelentes ganhos. Contudo, alguns cuidados devem ser tomados.

Antes de qualquer coisa, é necessário entender do que se tratam os fundos multimercados. Eles são conhecidos por alocarem recursos de maneira estratificada em múltiplas opções. São englobadas tanto a renda fixa quanto a variável, a depender da estratégia do gestor.

Mais uma vez, a importância de contar com a corretora de valores certa se reforça, visto que apenas profissionais são capazes de alinhar suas necessidades com as possibilidades do mercado.

Uma vez que os fundos englobam câmbio, ações e outras aplicações, é preciso que o perfil em questão esteja preparado para algumas oscilações. Contudo, caso haja confiança no especialista em questão, excelentes resultados de longo prazo podem ser atingidos.

Letras de Crédito

LCI e LCA. Essas duas opções são adequadas a longos períodos e são bastante seguras. Suas siglas representam, respectivamente, Letra de Crédito Imobiliário e Letra de Crédito do Agronegócio. Conforme indicado pelo nome, dizem respeito aos títulos emitidos para financiar as atividades desses setores.

Uma vantagem notável das Letras de Crédito é o fato de serem isentas de imposto de renda. Contudo, não contam com liquidez diária. Isso significa que não devem ser sacadas antes de seu vencimento ou podem culminar em perdas.

Dependendo da instituição financeira escolhida para investir, essa opção promete boas rentabilidades. Porém, por ser um título da renda fixa, não rende tanto quanto as ações ou papéis encontrados na renda variável. É interessante para os perfis conservadores e moderados.

Fundos DI

Sendo um dos produtos mais simples do mercado, essas opções atendem, idealmente, perfis que preferem baixos riscos. Afinal, os investimentos realizados neles contam com aplicações bastante seguras. Ativos com baixas tendências às perdas e títulos públicos federais são alguns exemplos disso.

Para entender um pouco mais sobre sua rentabilidade, é preciso saber que ela tende a seguir o CDI, que, por sua vez, varia de forma próxima à Selic. Por esses motivos, se apresentam como excelentes opções àqueles que desejam proteger seu patrimônio a longo prazo e ainda garantir rentabilidades previamente conhecidas.

A importância de uma boa gestão

Independentemente do investidor em questão, é fundamental que haja a aposta na construção de uma carteira diversificada e equilibrada. Os perfis servem na hora de direcionar quais aplicações se encaixam adequadamente às demandas de cada pessoa, mas não limitam suas opções de investimentos. Além disso, adicionar títulos e papéis que contemplem objetivos de curto e médio prazo também é importante.

Nessa hora, a corretora de valores certa — e profissionais preparados para adequar sua carteira aos planos individuais de cada cliente — é de grande ajuda. Ela oferece soluções variadas e eficientes e coloca você em contato direto com gestores qualificados e capazes de compreender e alinhar expectativas.

Realizar um investimento a longo prazo é mais do que uma forma de proteger seu dinheiro. Essa atitude ajuda na realização de sonhos e abre as portas para que você esteja onde deseja estar no futuro. Tomados todos os cuidados necessários, você poderá aproveitar o melhor de cada categoria apresentada!

Abra sua conta agora mesmo, confira as opções citadas neste artigo, dê um PLUS em seus investimentos e acesse outras alternativas ao contar com os serviços da CM Capital e.PLUS!

investimento a longo prazo

Abra sua conta Online grátis

Onde Estamos

Rua Gomes de Carvalho, 1195
4º Andar, Vila Olímpia
CEP 04547-004 – São Paulo, SP

©2020 – CM Capital e.PLUS | Todos dos direitos reservados – Desenvolvido por Apiki