Blog

Como o mercado externo pode influenciar seus investimentos?

Você sabe quanto o mercado externo e o dólar podem influenciar seus investimentos? Existem diversos fatores envolvidos nos resultados das aplicações feitas no cenário internacional. Entender quais são eles e como lidar com suas flutuações faz toda a diferença na hora de definir as suas escolhas e os frutos colhidos por meio delas.

Uma vez que são investidos tempo e dedicação para entender quais são as tendências de oscilação que o mercado externo sofre, multiplicar seu patrimônio se torna mais simples. Além disso, minimizam-se as chances de que se perca dinheiro — um fator relevante para os brasileiros que desejam embarcar em novas oportunidades.

Portanto, se você deseja entender a influência do mercado externo em suas aplicações e a gestão de riscos relacionada a ele, continue lendo este artigo!

O que é risco de mercado?

O primeiro fator a que se deve atentar, no que diz respeito ao mercado externo, é ao risco de mercado. Você sabe do que ele se trata? Em termos simples, é chamada de risco a chance de perda financeira relacionada às oscilações de determinado fundo. Exemplos de fatores que o influenciam incluem:

  • fechamento de câmbio;
  • compra e venda de títulos;
  • contratos a termo;
  • fixação do valor de commodities etc.

Tipos de riscos

O risco de um mercado, seja de ações, seja de renda fixa, está diretamente relacionado ao investimento em si. É por esse motivo que se torna essencial determinar a suitability, ou o perfil de investidor. Por meio dele, você será capaz de conhecer a sua tolerância em relação às possibilidade de perdas, antes mesmo da primeira aplicação. Como tipos de risco, podemos citar:

  • de crédito, que diz respeito ao não recebimento de lucros;
  • liquidez, que pontua a facilidade extrema de negociação de um ativo;
  • operacional, que se relaciona às falhas na própria operação — na conexão de internet, na digitação, na própria instituição, entre outros;
  • de mercado, que é o risco que existe em qualquer transação feita no universo dos investimentos. Ele existe na renda fixa e na variável.

Em suma, sempre existirão riscos de mercado. Porém, ao analisar a instituição em si, o tipo de investimento, sua liquidez, o perfil de investidor e a segurança da operação, se torna mais simples lidar com eles. Ao aplicar os conhecimentos obtidos no mercado externo, por sua vez, aumentam as chances de aproveitar suas altas rentabilidades. Entenda essa questão no próximo tópico.

Como o mercado externo pode influenciar seus investimentos?

Agora que você sabe como minimizar os riscos de seus investimentos, é hora de compreender o que é preciso ter em mente ao aplicar no mercado externo. Afinal, fatores específicos influenciam suas variações. É fundamental conhecê-los para equilibrar suas escolhas e criar uma carteira diversificada e promissora!

Cotação do dólar

O câmbio de moedas, que pode ser realizado por negociação entre bancos ou políticas monetárias, influi na queda ou no aumento do valor do dólar. Fatores como oferta e demanda, taxas de juros, instabilidade de um país (chamado de risco-país) ou a intervenção do Banco Central podem afetar a cotação dessa moeda. Consequentemente, alteram-se a rentabilidade e a segurança de seus investimentos.

Quando o Banco Central visa ao controle da inflação, por exemplo, é normal que haja variação cambial, e isso altera a cotação do dólar. A instituição controla a inflação ao alterar a Selic ou o CDI sobre os ativos. No ano de 2019, o Comitê de Política Monetária do Banco Central (COPOM) alterou mais de 16 vezes o valor da taxa Selic. Hoje ela está em 3,75%.

Valor das ações

Existe um índice que controla a bolsa de valores brasileira, a BM&BOVESPA. Ele é o IBOVESPA. Esse índice tem como função reunir o desempenho das ações que são negociadas na bolsa para que elas sejam vendidas e compradas. Por atuar como indicativo da rentabilidade das aplicações, ele representa, também, um reflexo na economia nacional e mundial.

Sabendo disso, investidores experientes conseguem prever o futuro dos mercados, tanto interno quanto externo. Em suma, o valor das ações ajuda quem deseja otimizar seus ganhos a saber em quais opções é melhor aplicar. Isso é dito, especialmente, em termos de fundos multimercado, que reúnem várias classes de ativos.

Riscos e rentabilidade

Conforme visto, os riscos influem diretamente em seus investimentos. Enquanto aplicações mais arriscadas tendem a garantir melhores resultados, as mais seguras rendem menos. Uma vez que a flutuação do valor do dólar é alta, os riscos do mercado externo são, em geral, altos, e é isso que garante acesso a altas rentabilidades. O vencimento de uma ação, por exemplo, também diz muito sobre seu risco e rentabilidade.

Por que contar com uma corretora consolidada?

Uma vez compreendido que o mercado externo conta com um risco sistêmico, é preciso evitar que ele o impeça de lucrar. Para isso, além de buscar diversificar sua carteira, é essencial contar com uma gestão especializada. Ela o ajudará a alocar ativos tanto na renda fixa quanto na variável. A escolha da composição dos investimentos deve corresponder ao seu perfil.

Uma boa opção, que pode ser gerida por meio de uma corretora consolidada como a CM Capital, é a dos Fundos de Investimento. Ainda que conte com escolhas mais seguras, a experiência dos profissionais otimizará o lucro do fundo e permitirá que seu patrimônio possa crescer mais a cada dia. Não se esqueça, também, de escolher opções que contem com o FGC (Fundo Garantidor de Crédito), que protege investimentos de até 250 mil reais.

Em conclusão, pode-se dizer que diversos fatores influenciam seus investimentos — em especial o mercado externo. Suas flutuações, os riscos envolvidos nele, a intervenção de bancos autorizados e muitos outros fatores afetam os resultados, a validade e a rentabilidade de suas aplicações. Use os conhecimentos obtidos neste artigo para fazer escolhas de acordo com suas necessidades e seu perfil de investidor. Assim, torna-se mais simples driblar as dificuldades e apostar nas escolhas ideais para você.

Se você deseja acessar os serviços de uma corretora consolidada, que prioriza a segurança da informação e conta com colaboradores com alto nível de qualificação, entre em contato com a CM Capital e.PLUS e dê um PLUS em seus investimentos!

mercado_externo

Você também pode se interessar por:

Abra sua conta online e grátis