Ícone do site CM Capital

CM Capital marca presença na abertura da 11ª edição da Semana ENEF

A CM Capital esteve presente na abertura da 11ª edição da Semana Nacional de Educação Financeira (Semana ENEF), em cerimônia realizada na sede da B3, a bolsa de valores brasileira, no centro da capital paulista, na segunda-feira (13). Com o tema “Proteção Financeira e Solidariedade aos Irmãos do Rio Grande do Sul”, até o dia 19 de maio serão realizadas palestras, cursos, oficinas, entre outras ações gratuitas de formatos diversos.

A cerimônia de lançamento contou com o toque de campainha da bolsa de valores, com a participação de representantes da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), do Banco Central, da B3, do Ministério da Previdência Social, da Superintendência de Seguros Privados (Susep), do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima), entre outros.

Toque de campainha da bolsa de valores durante a abertura da 11ª edição da Semana Nacional de Educação Financeira. Foto: Cauê Diniz

Durante discurso, Nathalie Vidual, superintendente de Proteção e Orientação a Investidores na CVM, afirmou que, através de parcerias, busca-se com a campanha promover educação financeira em todo território nacional.

“É uma forma de a gente também gerar oportunidade para falar sobre letramento financeiro e inclusão financeira como maneiras de conseguirmos atingir o bem-estar social”, destacou Vidual.

Desafios

Segundo a superintendente da CVM, o grande desafio que se tem pela frente é conseguir impactar os grupos economicamente mais vulneráveis e trabalhar a educação financeira para além dos grandes centros urbanos.

Nathalie Vidual, superintendente de Proteção e Orientação a Investidores na CVM. Foto: Cauê Diniz

Marcelo Billi, superintendente de Sustentabilidade, Inovação e Educação da Anbima, também destacou desafio, como os relacionados à educação, entre elas, a financeira.

“O desafio de escala que a gente tem é sempre o nó que todo mundo tenta desatar. Acreditamos que precisamos de parceria, não tem o porquê a gente competir em educação, a gente pode se ajudar”, complementou Billi durante fala no evento.

Tema da Semana ENEF

Durante o evento, Vidual ressaltou que vivemos em uma nova era digital, com dados e informações financeiras cada vez mais vulneráveis, acompanhados de um aumento nos casos de golpes e fraldes financeiras.

“O tema proteção financeira é uma oportunidade para que nossos parceiros possam trabalhar uma série de iniciativas para orientar as pessoas sobre como proteger seu patrimônio, sobre como proteger o seu futuro”, destacou a superintendente da CVM durante o evento.

Devido às fortes chuvas que assolam o Rio Grande do Sul e da situação de calamidade pública reconhecida pelo Governo Federal, o tema da semana ENEF deste ano foi alterado.

“A intenção é que seja também uma chamada à ação, para que a gente possa ajudar as regiões afetadas. Estamos incentivando todos os participantes da semana ENEF a indicarem instituições confiáveis e fidedignas que possam receber doações que possam ser levadas ao Rio Grande do Sul. Além disso, a gente assume um compromisso firme de fazer uma semana ENEF inédita e exclusiva no estado tão logo seja possível”, afirmou Vidual.

Ponto de atenção

A pesquisa “Raio X do Investidor Brasileiro”, levantamento quantitativa anual realizado pela Anbima em parceria com o Datafolha, divulgado em 30 de abril,  mostrou que 14% da população (o que equivale a cerca de 22 milhões de pessoas) fizeram pelo menos uma aposta online em 2023. Dessas, 22% consideraram a prática um investimento financeiro, segundo o estudo.

“É vital as pessoas saberem os riscos associados às plataformas de apostas online, como de bets em geral, jogo do Tigrinho, apostas esportivas. Essas atividades levam, frequentemente, a perdas financeiras e ao vício. Então, cuidado. Essas atividades jamais devem ser confundidas com investimentos”, alertou a superintendente da CVM no evento.

Semana ENEF

A Semana Nacional de Educação Financeira é uma iniciativa do Fórum Brasileiro de Educação Financeira, formado por Ministério da Educação, Banco Central, CVM e diversos outros órgãos públicos.

Ela acontece anualmente desde 2014 e tem a finalidade de promover ações de educação financeira em todo o país.

Ao longo da campanha, serão promovidas iniciativas gratuitas com foco em:

Educacional na CM Capital

Na CM Capital, quem investe ou deseja investir conta com diversos conteúdos educacionais para auxiliar na jornada de investimentos.

Os vídeos no canal da corretora no Youtube são abertos a todos e explicam como viver de renda passiva, as modalidades de investimentos em renda fixa, diferenças de perfis de investidor, como funcionam plataformas para traders,  entre muitos outros.

Além disso, o canal conta com uma programação de lives abertas ao público em geral, também focadas em conteúdos educacionais. Confira a programação:

Já no site da corretora também é possível ler diversos conteúdos educacionais com foco em investimentos.

No caso de quem investe pela CM Capital, por sua vez, são disponibilizados cursos e e-books, tornando a jornada de aprendizado completa.

Sair da versão mobile